segunda-feira, 8 de junho de 2015

PI: Procurador do Trabalho apura denúncia de assédio moral no HTI em Teresina

O Procurador do Trabalho Edno Carvalho Moura instaurou inquérito civil para apurar denúncia de irregularidade trabalhista no âmbito do Hospital de Terapia Intensiva e Medicina Interna de Teresina Ltda (HTI).

Por Rauristênio Bezerra / GP1 - foto divulgação

O procedimento foi instaurado a partir da notícia de que o HTI viola a legislação justrabalhista ao praticar assédio moral, discriminação no ambiente de trabalho e não efetua o pagamento das verbas rescisórias.

De acordo com o procurador, as irregularidades relatadas, se verídicas, têm repercussão coletiva e envolve interesses transindividuais de trabalhadores.

A portaria nº 2012/2015 foi assinada no dia 03 de junho de 2015.

Outro Lado

O GP1 entrou em contato com o advogado do HTI Fábio Augusto, que informou que até o momento o hospital não recebeu nenhuma notificação sobre o caso. “O hospital não foi notificado formalmente sobre as denúncias, assim que recebermos a notificação com as informações, prestaremos os devidos esclarecimentos. Como é uma denúncia genérica, que possívelmente tenha acontecido com um funcionário, não temos como nos pronunciar no momento. Vamos colher informações”, disse.

(fonte, acesso em 08/06/2015)

Nenhum comentário:

Postar um comentário