sexta-feira, 23 de outubro de 2015

DF: Assédio moral no Zero61 é alvo de TAC no MPT

Representante do Duetto Bier Bar e Restaurante Ltda. (atual Zero61) esteve em audiência conduzida pelo procurador Joaquim Rodrigues Nascimento na sede do Ministério Público do Trabalho no Distrito Federal (MPT-DF) para assinar Termo de Compromisso de Ajustamento de Conduta (TAC). No documento, o representante se compromete a não permitir a prática de assédio moral por parte de seus empregados, em especial dos gerentes em relação aos subordinados.

Por ASCOM MPT 10ª Região

O caso chegou ao MPT a partir de denúncia sigilosa que afirmava que um gerente humilhava os funcionários na frente dos clientes, chamando-os de ladrões, preguiçosos, entre outros impropérios.

Antes da assinatura do TAC, a assessoria jurídica da empresa afirmou, em petição protocolada no MPT, que os sócios não tinham conhecimento dos fatos e que assim que o tiveram, se retrataram formalmente à presença de empregados e ex-empregados, além de abrir procedimento administrativo interno para que “pudessem ocorrer as devidas penalizações”.

O gerente acusado de assédio moral foi desligado em julho deste ano. A assinatura do TAC objetiva prevenir a repetição do caso citado.

Se descumprir a obrigação, a empresa vai pagar multa de R$ 5 mil.

(fonte, acesso em 23/10/2015)

Nenhum comentário:

Postar um comentário